O transe hipnótico é um processo psicofisiológico natural e da mesma forma que o sono, o estado de vigília e de meditação, não oferece nenhum tipo de risco. O transe é um estado intensificado da atenção, onde a realidade passa a ser apenas a proposta pelo hipnoterapeuta ou pelo próprio paciente. No transe há uma alta atividade psíquica, onde pensamentos, memórias, imagens e sensações podem ser reestruturados e ressignificados a partir da realidade naquele momento. Tudo o que antes do transe se fazia presente deixa de fazer sentido para a mente e dá lugar a uma nova programação fluindo uma energia psíquica mais equilibrada e coerente com as novas decisões da pessoa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *